domingo, julho 21, 2024

Colaboração entre Polícias do RJ e MG resulta em ação rápida e eficaz após assassinato de DJ

Mais Lidas
Redação
Redaçãohttps://radiofeliz.com.br
Um dos primeiros Portais de Notícias da Região. Foi o primeiro a ter integrações com a web 2.0 permitindo a seus usuários criarem redes sociais em suas páginas.

No último domingo, dia 16/07, as polícias dos estados do Rio de Janeiro e Minas Gerais uniram forças para uma ação conjunta que resultou na rápida resposta a um crime de homicídio ocorrido em Pádua. O crime foi o assassinato do DJ Mario, conhecido por animar festas nas cidades de Pirapetinga e Pádua. A colaboração entre as forças de segurança foi essencial para prisão dos principai suspeitos. Outras prisões ainda são aguardadas.

A Seção de Comunicação Social do 36º Batalhão de Polícia Militar (BPM) informou que os policiais militares foram acionados para verificar uma ocorrência de homicídio na localidade do Sapê, no bairro Santa Luzia. Ao chegarem ao local, os policiais prontamente fizeram contato com testemunhas, que relataram os detalhes do crime.

Segundo informações colhidas no local, a vítima, o DJ Mario, de 41 anos, teria se envolvido em uma discussão durante um baile em Pirapetinga, cidade localizada em Minas Gerais. Ao término do evento, um indivíduo identificado como A1, de 21 anos e residente no bairro Chalé, em Pirapetinga, teria se armado juntamente com outros sete indivíduos. Eles teriam seguido até a residência da vítima em Pádua, levando-a para um local deserto.

DJ MARIO (VÍTIMA) – Foto: Reprodução Redes Sociais dos amigos do DJ

Foi ouvido um disparo, e a vítima foi encontrada sem vida próximo a um pasto, apresentando um ferimento na parte superior da cabeça. O corpo foi removido pela guarnição do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ).

Horas após o ocorrido, a guarnição recebeu informações sobre a localização de A2, um homem de 46 anos, cujo endereço não foi informado. Com base nessas informações, a polícia obteve êxito em localizá-lo e deu prosseguimento ao estado de flagrante. Em uma operação conjunta com a Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), os suspeitos A1 e A3, de 21 anos, foram encontrados na cidade de Estrela Dalva, em Minas Gerais. Após novas diligências pela cidade de Pirapetinga, A4, um homem de 23 anos, também foi localizado.

A ocorrência foi encaminhada à 136ª Delegacia de Polícia, onde A1, A2 e A3 foram autuados e permaneceram presos. A4 foi ouvido e liberado. Portanto, até o momento do fechamento desta matéria, quatro suspeitos foram capturados, sendo que três estão presos sob custódia das autoridades. A polícia continua em busca dos outros quatro indivíduos envolvidos no crime, visando sua captura e responsabilização pelos atos cometidos.

A ação conjunta entre as forças de segurança do Rio de Janeiro e Minas Gerais demonstra a importância da cooperação entre as polícias estaduais no combate ao crime e na garantia da segurança da população. Essa colaboração efetiva contribui para uma resposta mais ágil e eficaz em situações de violência, fortalecendo a confiança da sociedade na atuação das forças policiais.

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img
Últimas Notícias
- Publicidade -spot_img

Notícias Relacionadas

- Publicidade -spot_img
Top Of Mind