quarta-feira, julho 24, 2024

Aeroporto paulista tem rajadas de vento de 72 quilômetros por hora

Mais Lidas
Agência Brasil
Agência Brasilhttps://agenciabrasil.ebc.com.br
Agência pública de notícias vinculada à Empresa Brasil de Comunicação (EBC). Informação, cidadania, educação e cultura.

As rajadas de vento que atingem nesta quinta-feira (13) a cidade de São Paulo, em razão do ciclone extratropical presente no Sul do país, alcançaram, ao meio-dia, 72,2 quilômetros por hora (km/h) no Aeroporto de Congonhas, na zona Sul da capital paulista. A informação foi dada pelo Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas (CGE) da prefeitura de São Paulo.

De acordo com a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), desde o período da manhã, foram registradas seis arremetidas devido aos ventos fortes no aeroporto. Às 14h45, não havia nenhum voo atrasado.

A estação meteorológica de Santana, na zona norte da capital paulista, também foi atingida por ventos fortes, com rajadas de 70km/h às 10h. No aeroporto internacional de Guarulhos (Cumbica), as rajadas chegaram a 62,6 km/h, às 12h. 

Segundo a GRU Airport, concessionária que administra o aeroporto internacional, devido às condições meteorológicas adversas, três voos tiveram as rotas alternadas na manhã de hoje para outros aeroportos, mas já retornaram para Guarulhos. Às 15h, o aeroporto estava operando normalmente para pousos e decolagens.

A Defesa Civil de São Paulo alerta que o vento forte pode tombar árvores, causar danos às plantações e derrubar a fiação elétrica, provocando interrupções no fornecimento de energia elétrica e nas comunicações telefônicas. O vento também pode danificar habitações mal construídas e provocar destelhamento em edificações.   

Com a condição de vento forte, a Defesa Civil recomenda às pessoas a não praticar esportes aquáticos ou influenciados pelo vento, como surf, windsurf, kitesurf, rapel e rafting. Outra recomendação é procurar abrigo seguro, evitando árvores ou coberturas metálicas frágeis; manter distância de janelas, vidros e objetos perfurocortantes e não fazer trabalhos com andaimes e encaixes metálicos.    

Também deve-se evitar estacionar veículos perto de cabos elétricos, torres de transmissão, árvores, outdoors e outras estruturas que não pareçam seguras.  

Frio

Além do vento forte, a capital paulista deve ter madrugadas frias nos próximos dias. A Coordenadoria Municipal de Defesa Civil de São Paulo decretou hoje estado de alerta para baixas temperaturas em toda a capital paulista.

De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas, as próximas madrugadas serão geladas: a média da temperatura mínima deverá chegar a 9°C. Nos bairros mais distantes do centro da cidade, as temperaturas deverão ser ainda mais baixas.



Fonte: Fonte: Agência Brasil

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img
Últimas Notícias

Surto de cinomose mata dezenas de cães em vários bairros de Itaocara

Grupo de protetores de animais de rua calcula que mais de vinte cães morreram em um mês “Pais...
- Publicidade -spot_img

Notícias Relacionadas

- Publicidade -spot_img
Top Of Mind