quarta-feira, fevereiro 21, 2024

Familiares de mortos pela violência protestam contra o IML

Mais Lidas
Agência Brasil
Agência Brasilhttps://agenciabrasil.ebc.com.br
Agência pública de notícias vinculada à Empresa Brasil de Comunicação (EBC). Informação, cidadania, educação e cultura.

Mães e familiares de crianças, jovens e adultos mortos pela violência no estado do Rio de Janeiro fizeram nesta quinta-feira um protesto contra o Instituto Médico Legal pelo atraso na entrega e a inconclusão dos laudos cadavéricos. 

Eles espalharam na calçada do IML fotos das vítimas e cruzes pretas. No muro, penduraram um pano preto pedindo justiça pelas mortes violentas no estado. 

Sônia Bonfim, que perdeu o marido e um filho em ações violentas, em 2021, diz que passados dois anos, o IML ainda não lhe entregou os laudos que indicam a causa das mortes. Ela reclamou, também, que, quando são entregues, os laudos são inconclusivos, o que dificulta as ações com pedidos de indenização. 

O ato teve apoio da Marcha da Periferia, um movimento que luta contra a violência racista e genocida no estado. 

Nós pedimos um posicionamento da Secretaria de estado de Polícia Civil sobre as reclamações feitas por mães de vítimas de violência letal, mas a instituição não se manifestou até o fechamento desta matéria. 

 



Fonte: Fonte: Agência Brasil

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -spot_img
Últimas Notícias
- Publicidade -spot_img

Notícias Relacionadas

- Publicidade -spot_img
Top Of Mind